Postado em 26 de Julho de 2016 às

Brasil quer expandir negociações com EUA para carnes frescas e congeladas.

CleanTec do Brasil O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, está em missão nos Estados Unidos para viabilizar o comércio de carne bovina in natura entre os dois países. Pauta já...

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, está em missão nos Estados Unidos para viabilizar o comércio de carne bovina in natura entre os dois países. Pauta já anteriormente solicitada pelo setor, apesar das vendas de carne industrializada para aquele país que somaram US$ 286,8 milhões, o pleito agora é referente à carne fresca e congelada. Segundo a Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio, a expectativa é incrementar as exportações brasileiras em US$ 900 milhões.
De acordo com informações do MAPA, a viagem deve resultar na assinatura de um acordo sanitário que vem sendo negociado nos últimos anos. Em 2015, uma missão técnica veterinária norte-americana esteve no Brasil para fazer uma inspeção em frigoríficos do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e São Paulo. No início deste mês, foi a vez de fiscais agropecuários brasileiros visitarem frigoríficos no Texas, Iowa, Nebraska e Califórnia. Leia mais...

Veja também

Brasil deverá reforçar controle nas granjas para evitar influenza aviária.27/01/17 A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP) já foi procurada por países que deixaram de comprar carne de frango de mercados onde houve casos da doença para saber se o Brasil tem condições de suprir a demanda. De acordo com o presidente-executivo da ABPA, Francisco Turra, cerca de 600 mil toneladas devem deixar de ser compradas neste......
Maior oferta de milho deve baixar preços no segundo semestre.25/08/16 O relatório do Itaú BBA (São Paulo/SP) aponta que uma maior oferta de milho na nova safra 2016/17, decorrente do aumento da área plantada no Brasil, deve fazer com que os preços do grão caiam. Um aumento de......
Frimesa se prepara para construir o maior frigorífico do Brasil.20/01/17 Com a proposta de se tornar referência na produção de carne suína no Brasil, a Cooperativa Frimesa prevê investimentos de R$ 2,5 bilhões em toda a cadeia produtiva até 2030. Este investimento envolve produtores,......

Voltar para Notícias