Postado em 19 de Agosto de 2016 às 08h45

Carnes estão entre itens que sofreram perdas no setor supermercadista.

CleanTec do Brasil A 16ª Avaliação de Perdas nos Supermercados Brasileiros, apresentada na última quarta-feira (17) no 4º fórum Abras de Prevenção de Perdas, aponta que o setor supermercadista...

A 16ª Avaliação de Perdas nos Supermercados Brasileiros, apresentada na última quarta-feira (17) no 4º fórum Abras de Prevenção de Perdas, aponta que o setor supermercadista brasileiro registrou um índice de 2,26% de perdas em 2015, o que representa em torno de R$ 6,19 bilhões em quedas anuais.
A avaliação foi realizada com base nas informações de 302 redes participantes, que somam 4.346 lojas no País. Desses, 30,53% (empresas respondentes) têm faturamento acima de R$ 100 milhões. Em 2014, essa participação era de 17,84%.
O Fórum foi aberto pelo superintendente da Associação Brasileira de Supermercados (Abras, São Paulo/SP), Marcio Milan, que ressalta a importância da pesquisa para os varejistas. "Os dados divulgados nesta pesquisa contribuem para o planejamento das empresas supermercadistas, para que possam reduzir as perdas, definir estratégias e ampliar a eficiência das lojas, e assim melhorar ainda mais seus serviços aos consumidores", destaca. Leia mais...

Veja também

Mesmo com feriado na semana, lento escoamento da carne abaixa preços.18/11/16 feriado do dia 15 de novembro, uma terça-feira, significou um dia a menos de compra de boiadas pelas indústrias. Ainda assim, o lento escoamento da carne no atacado tem feito com que os frigoríficos testem o mercado e ofertem preços abaixo da referência. O mercado do boi gordo, portanto, está com viés de baixa. Sem melhora no escoamento da carne no atacado e no......
Bloqueios nas rodovias devem suspender abates no Rio Grande do Sul.04/08/17 Câmaras frigoríficas e contêineres estão lotados no Rio Grande do Sul. O motivo são os 15 pontos de bloqueio nas principais rodovias gaúchas. As indústrias não estão conseguindo escoar a......
Aquicultura precisa de competitividade em preço e qualidade.24/08/16 Apesar de possuir grande potencial aquicultor, o Brasil detém menos de 1% da produção mundial aquícola, quando, nas palavras da assessora Técnica da Comissão Nacional de Aquicultura da Confederação da......

Voltar para Notícias