Postado em 17 de Março de 2016 às 08h55

Criadores de Santa Catarina vivem bom momento na pecuária de corte.

CleanTec do Brasil O produtor de carne bovina do Sul vive um bom momento de acordo com avaliação do vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc,...

O produtor de carne bovina do Sul vive um bom momento de acordo com avaliação do vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc, Florianópolis/SC), Antônio Marcos Pagani de Souza. A afirmação é com base no preço que criador catarinense está recebendo: o melhor do mercado interno brasileiro.

O boi gordo comercializado em Santa Catarina está sendo vendido a R$ 5,50 a R$ 5,60 o kg do animal vivo, ou R$ 165,00 a arroba, sendo que no Brasil central o melhor preço é R$ 144,00 a arroba.

Um dos segmentos em expansão é o de novilho precoce (gado com menos de 36 meses de vida) que recebe incentivo fiscal podendo chegar até 3,5% de desconto na incidência do ICMS e, além disso, os frigoríficos pagam aos criadores até 10% de incremento no preço nas raças Angus e Hereford. Leia mais... 

Veja também

Brasil embarca 330,2 mil toneladas de carne de frango em fevereiro.06/03/17 A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP) divulgou nesta segunda-feira (06), o resultado das exportações do mês de fevereiro. Os embarques brasileiros de carne de frango encerraram os 28......
Estratégias de resultados para a pecuária lucrativa é tema de encontro.01/02/17 Como 2016 foi um ano de desafios, muitos pecuaristas não conseguiram grandes resultados, sobretudo pelo alto custo do milho, principal ingrediente da dieta bovina, que representa mais de 60% do custo da alimentação. No mercado de......

Voltar para Notícias