Postado em 01 de Março de 2016 às

EUA devem iniciar importação de carne bovina brasileira neste semestre.

CleanTec do Brasil Após visita de uma equipe do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA, Brasília/DF) aos EUA para inspeções sanitárias e verificação dos...

Após visita de uma equipe do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA, Brasília/DF) aos EUA para inspeções sanitárias e verificação dos padrões norte-americanos de produção, a liberação das exportações brasileiras de carne bovina in natura ao país deverá ocorrer a partir de abril. Segundo informações de Washington e Brasília, os primeiros embarques poderão acontecer ainda neste semestre.

A liberação foi acertada durante visita da presidente Dilma Rousseff aos EUA em 2015. O Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, EUA) já mandou uma equipe ao Brasil para fazer as inspeções necessárias, mas ainda tem de enviar ao MAPA um questionário com uma série de perguntas complementares sobre o sistema nacional de fiscalização e inspeção.

O setor privado brasileiro entende que deve ser possível vender anualmente até 100 mil toneladas de carne bovina in natura aos EUA em cinco anos, mas o USDA projeta que, em média, serão 40 mil toneladas por ano. leia mais...
 

Veja também

Análises indicam que produção de bovinos se direciona ao sul do Brasil.08/08/16 Ao contrário do que se acreditava, a pecuária brasileira não se desloca mais em função da fronteira agrícola do Norte, mas sim, das regiões Sul e Sudeste do Brasil. A informação foi constatada por meio de um estudo realizado pela Embrapa Gestão Territorial (Campinas/SP), com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística......
Bolsa de Suínos do Interior de Minas (BSim) é apresentada ao mercado.13/09/17 A Associação dos Suinocultores do Vale do Piranga (Assuvap, Ponte Nova/MG) apresentou para os produtores da região o projeto Bolsa de Suínos do Interior de Minas (BSim), que promete se firmar como uma ferramenta de processamento de......

Voltar para Notícias