Postado em 31 de Outubro de 2016 às 07h52

Negociações entre Mercosul e União Europeia devem ser retomadas em 2017.

CleanTec do Brasil Segundo informações divulgadas pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC, Brasília/DF), foi realizada em Bruxelas (Bélgica), entre os dias 10 e 14...

Segundo informações divulgadas pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC, Brasília/DF), foi realizada em Bruxelas (Bélgica), entre os dias 10 e 14 de outubro, uma rodada de negociações entre a União Europeia e o Mercosul.
Esta foi a primeira rodada plena de negociações desde 2012 e a primeira a ocorrer desde que se efetuou a troca de ofertas de acesso a mercados, em 11 de maio de 2016.
No encontro, os negociadores discutiram textos e regras objeto da negociação, além de realizarem intercâmbio de pontos de vista sobre como progredir em temas de acesso a mercado. No geral, os negociadores-chefes expressaram sua satisfação com os resultados de um encontro produtivo e construtivo, que resultou em progresso numa série ampla de áreas.
“Ambos os lados se comprometeram a realizar todos os esforços necessários para o progresso das negociações. Para tanto, as partes decidiram continuar trabalhando, entre as sessões de negociação, sobre uma série de questões e realizar a próxima rodada de negociações em Buenos Aires, em março de 2017”, divulga o MDIC. Leia mais...

Veja também

Setor pecuário registra crescimento de 1,72% em 2016.31/03/17 De acordo com um levantamento realizado pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea Esalq/USP, Piracicaba/SP), em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA, Brasília/DF), o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio cresceu 4,48% em 2016, em comparação com o desempenho de 2015. Leia mais......
Produtores de aves criticam suspensão de contrato de integração.02/02/17 Após a indústria ter suspendido o contrato de integração com vários criadores de aves da região de Nova Marilândia (MT), 22 integrados foram desligados da parceria e reclamam sobre o prejuízo com os......

Voltar para Notícias