Postado em 04 de Maio de 2016 às 08h56

Pesquisa revela maximização de eficiência na dieta de leitões com uso de minerais

CleanTec do Brasil A superdosagem de Quantum Blue, enzima fitase produzida pela AB Vista que gera grandes benefícios aos produtores de aves e suínos, pode maximizar a eficiência da dieta de leitões. Essa é a...

A superdosagem de Quantum Blue, enzima fitase produzida pela AB Vista que gera grandes benefícios aos produtores de aves e suínos, pode maximizar a eficiência da dieta de leitões. Essa é a descoberta feita pela pesquisa realizada em parceria com a Universidade de Illinois, que revela a liberação de minerais vitais como o zinco, ferro e cobre através da hidrólise completa de fitato.

O estudo, apresentado no fim de março em Bangkok, mostrou que a segmentação e a rápida destruição de fitato com uma acumulação mínima de ésteres com menores concentrações de fósforo poderia melhorar o desempenho animal. A seleção de uma fitase com ótimas características garante este resultado, especialmente se for inserida em níveis de superdosagem. O efeito da fitase Quantum Blue nessa aplicação tem a capacidade de ir além da melhoria da digestibilidade ou retenção de nutrientes. Também permite diminuir o custo da ração e reduzir a excreção mineral.

A parceria entre a companhia e a universidade visa desenvolver a base de um sistema de estudo preciso de minerais, trabalhando para o uso em formulações de dietas comerciais de suínos. De acordo com o gerente Técnico da AB Vista, Pete Wilcock, a presença de fitato pode reduzir significativamente a disponibilidade dos minerais e a quebra do fitato desempenha um papel vital na otimização de dietas.

“Microminerais desempenham um papel fundamental na melhoria do desempenho dos leitões, mas o fitato se liga fortemente aos íons minerais carregados negativamente na dieta, tais como o zinco, cobre e ferro. Além disso, verificou-se que o fitato pode ter um efeito negativo semelhante sobre a digestibilidade de outros nutrientes”, revela Wilcock. Leia mais...
 

Veja também

Pesquisadores utilizam forma inédita para detectar eficiência alimentar.17/05/17 Bovinos eficientes produzem mais carne e têm menor custo de produção. Conquistar touros que ganhem mais peso e comam menos é o desejo de todo pecuarista, e para buscar essa resposta, pesquisadores da Embrapa Gado de Corte (Campo Grande/MS) estão utilizando uma estrutura computadorizada, formada por cochos eletrônicos e estações de pesagem, para identificar quais......
Estratégias de resultados para a pecuária lucrativa é tema de encontro.01/02/17 Como 2016 foi um ano de desafios, muitos pecuaristas não conseguiram grandes resultados, sobretudo pelo alto custo do milho, principal ingrediente da dieta bovina, que representa mais de 60% do custo da alimentação. No mercado de......

Voltar para Notícias