Postado em 19 de Junho de 2017 às

Rússia mantém confiança na carne suína brasileira e aumenta importação.

CleanTec do Brasil De acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), a Rússia mantém-se como o maior importador de carne suína do Brasil (com 40,3% do total), sendo...

De acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA, São Paulo/SP), a Rússia mantém-se como o maior importador de carne suína do Brasil (com 40,3% do total), sendo destino de 111,1 mil toneladas entre janeiro e maio deste ano, volume 10% superior ao obtido no mesmo período do ano passado.
O presidente-executivo da associação, Francisco Turra, explica que a Rússia é a principal parceira comercial do Brasil no setor de suínos e tem incrementado suas compras nos últimos anos, confiando ao setor brasileiro uma importante parcela do fornecimento destes produtos ao seu mercado. “Hoje, os exportadores brasileiros são responsáveis pela maioria absoluta das importações russas de carne suína”, analisa. Leia mais...

Veja também

Aplicativo para Android permite troca de dados entre médicos veterinários.26/10/16 Imagine um aplicativo que possibilite a médicos veterinários trocar informações entre eles e a Secretaria da Agricultura. O Centro de Ciências Rurais da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM, Santa Maria/RS) desenvolveu um aplicativo para smartphones Android com esta finalidade. Voltado inicialmente ao nicho de equinos, a iniciativa, que tem o apoio institucional do Fundesa......
Mercado interno de suínos não reflete bom desempenho das exportações.04/01/17 Ainda que as exportações brasileiras de carne suína tenham registrado volumes recordes, o mercado doméstico enfraquecido limitou o desempenho do setor em 2016, aponta o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada......

Voltar para Notícias