Produtos › Produção Leiteira

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 06

Pré-dipping

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 84 O pré-dipping é um dos meios mais efetivos de diminuição das infecções intramamárias decorrentes de patógenos ambientais no teto, mastite, mamite, entre...

O pré-dipping é um dos meios mais efetivos de diminuição das infecções intramamárias decorrentes de patógenos ambientais no teto, mastite, mamite, entre outros.

Em estudos realizados sobre o uso do aplicador de desinfetante, especialistas em qualidade concordam que para se maximizar a qualidade do leite a melhor solução é o emprego de um copo aplicador sem retorno para a desinfecção do teto.

* Sabonete com Clorexidina: diluir 3 partes do produto para 10 partes de água e aplicar com o borrifador na teta da vaca, deixar agir por 2 minutos, enxaguar e secar com papel toalha.

* Sabonte com Clorexidina: diluir 3 partes do produto para 10 partes de água, disponibilizar no setor de ordenha para a higiene de mãos.

Higiene da ordenhadeira

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 86 Para o sistema fechado (canalizado) devemos utilizar diariamente um detergente alcalino clorado não espumante e duas vezes por semana devemos utilizar um detergente ácido, a fim de remover e...

Para o sistema fechado (canalizado) devemos utilizar diariamente um detergente alcalino clorado não espumante e duas vezes por semana devemos utilizar um detergente ácido, a fim de remover e evitar incrustações provocadas pela chamada pedra do leite. Este processo deve ser feito da seguinte forma:

* Pré-enxágue: enxaguar o sistema entre 5 e 10 minutos, de preferência com temperatura entre 40 e 50 graus, com a finalidade de remoção de sujidades.

* Detergência Alcalina: aplicar o detergente alcalino (TECPON ADX) ou alcalino clorado (TEKTON CLOR) no sistema CIP entre 10 e 15 minutos, de preferência com temperatura entre 40 e 50 graus,  na proporção de 0,3 a 1%, ou seja, diluir o produto entre 30 a 100 ml para cada 10 litros de água.

* Enxágue: enxaguar o sistema entre 5 e 10 minutos, de preferência com temperatura entre 40 e 50 graus, com a finalidade de remover sujidades e residual de detergente.

* Detergência Ácida: aplicar o detergente ácido LIPAC T no sistema CIP entre 5 e 10 minutos com a temperatura de água ambiente na proporção de 0,2 a 0,5%, ou seja, diluir o produto entre 20 e 50 ml para cada 10 litros de água.

* Enxágue: enxaguar o sistema entre 5 e 10 minutos com temperatura de água ambiente, com a finalidade de remoção de sujidades e residual ácido.

* Sanitização: aplicar o produto Peratec no percentual entre 0,2 a 0,5%, com o tempo de ação entre 5 e 10 minutos em tempertaura de água ambiente, ou seja, diluir o produto entre 20 e 50 ml para cada 10 litros de água.

Higiene do resfriador

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 87 A higiene do tanque resfriador deve ocorrer sempre que o mesmo estiver vazio, logo após a retirada do leite, sendo realizada da seguinte forma: - Pré-enxágue: realizar com...

A higiene do tanque resfriador deve ocorrer sempre que o mesmo estiver vazio, logo após a retirada do leite, sendo realizada da seguinte forma:

- Pré-enxágue: realizar com auxílio de uma mangueira preferencialmente com água quente.
- Aplicação do detergente (TEC SAN P/ FRIGOPON H): fazer a esfrega com uma vassoura com cerdas mácias, utilizar o produto de 0,5 a 3%, diluir o produto de 50 a 300 ml para cada 10 l de água, preferencialmente em temperatura entre 30 e 45 graus.

- Enxágue final: realizar com o auxílio de uma mangueira com água ambiente.

- Sanitização (Pera-tec): utilizar o produto de 0,2 a 0,5, ou seja, diluir de 20 a 50 ml para cada 10 litros de água, em temperatura ambiente, e aplicar com auxílio de borrifador.

Higiene de utensílios

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 88 Os utensílios utilizados no processo de ordenha como baldes, galões, tarros de leite, escovas, vassouras, luvas entre outros, após o uso devem ser higienizados com o detergente alcalino...

Os utensílios utilizados no processo de ordenha como baldes, galões, tarros de leite, escovas, vassouras, luvas entre outros, após o uso devem ser higienizados com o detergente alcalino (FRIGOPON H) e alcalino clorado (TECSAN P), conforme processo abaixo:

- Pré-enxágue: realizar com auxílio de uma mangueira preferencialmente com água quente.

- Aplicação do detergente (TEC SAN P/ FRIGOPON H): fazer a esfrega com o auxílio de balde de apoio e esponja de limpeza, utilizar o produto de 0,5 a 3%, diluir o produto de 50 a 300 ml para cada 10 l de água, preferencialmente em temperatura entre 30 e 45 graus.

- Enxágue final: realizar com o auxílio de uma mangueira com água ambiente.

- Sanitização (Pera-tec): utilizar o produto de 0,2 a 0,5, ou seja, diluir 20 a 50 ml para cada 10 litros de água em temperatura ambiente, aplicar com auxílio de borrifador.

Higiene das instalações

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 89

 Após o uso das instalações, o espaço deve ser higienizado com o detergente alcalino (FRIGOPON H) e alcalino clorado (TECSAN P), conforme processo abaixo:

- Prá-enxágue: realizar com auxílio de uma mangueira preferencialmente com água quente.

- Aplicação do detergente (TEC SAN P/ FRIGOPON H): fazer a esfrega com o auxílio de uma mangueira, utilizar o produto de 0,5 a 3%, diluir o produto de 50 a 300 ml para cada 10 l de água, preferencialmente em temperatura entre 30 e 45 graus.

- Enxágue final, realizar com o auxílio de uma mangueira com água ambiente.

- Sanitização (QUARTEC): utilizar o produto de 0,2 a 0,5, ou seja, diluir 20 a 50 ml para cada 10 litros de água, em água temperatura ambiente e aplicar com auxílio de borrifador.

Pós-dipping

CleanTec do Brasil Novo Conteúdo 85 O pós-dipping é fundamental para a remoção da película de leite que é deixada no teto após o conjunto de ordenha ser removido. Caso esta película de...

O pós-dipping é fundamental para a remoção da película de leite que é deixada no teto após o conjunto de ordenha ser removido.

Caso esta película de leite fique no teto, ela simplesmente fornecerá alimento para o desenvolvimento de bactérias (proteção ao surgimento de mastite e mamite).

O pós-dipping também auxilia na prevenção da colonização de microrganismos no canal do teto (esfíncter) e na eliminação das infecções existentes.

Recomenda-se manter as vacas em pé (normalmente oferencendo-lhe alimento) por pelo menos uma hora após a ordenha, permitindo tempo para que o canal do teto se feche completamente antes das vacas se deitarem.

Voltar para Produtos